Quarta-feira
18 de Maio de 2022 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 4,97 4,97
EURO 5,23 5,23
LIBRA ES ... 6,19 6,20
PESO (ARG) 0,04 0,04
PESO (URU) 0,12 0,12

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . . . .
S&P 500 0,31% . . . . . . .
Dow Jone ... % . . . . . . .
NASDAQ 0,02% . . . . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Campinas, SP

Máx
14ºC
Min
4ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Campinas, S...

Máx
17ºC
Min
5ºC
Predomínio de

Sexta-feira - Campinas, SP

Máx
17ºC
Min
5ºC
Predomínio de

Sábado - Campinas, SP

Máx
20ºC
Min
7ºC
Predomínio de

INSTITUCIONAL: CJF aprova alteração em Resolução que dispõe sobre o Sistema de Tecnologia da Informação da Justiça Federal

 Conselho da Justiça Federal (CJF) aprovou, durante sessão ordinária realizada no dia 13 de dezembro, a proposta de alteração da Resolução 88/2009, que dispõe sobre a organização do Sistema e Tecnologia da Informação da Justiça Federal. O Ministro Humberto Martins, presidente do Conselho, relatou o processo. O Sistema de Tecnologia da Informação da Justiça Federal (Sijus) tem o objetivo de apoiar a governança de TI e realizar a sua gestão no âmbito do Conselho e da Justiça Federal de 1º e 2º graus. Com base nessa premissa, a proposta de alteração teve o intuito de atualizar e aperfeiçoar a norma original, e contou com o apoio do Comitê Gestor do Sistema de Tecnologia da Informação da Justiça Federal, coordenado pela Secretaria de Tecnologia da Informação do Conselho (STI/CJF), e integrado por técnicos e dirigentes de TI dos cinco Tribunais Regionais Federais (TRFs). Sobre o Comitê Gestor do Sijus – De acordo com as alterações aprovadas, o normativo institui e organiza o Comitê Gestor do Sisjus da Justiça Federal. Este, por sua vez deverá propor o Plano Estratégico de Tecnologia da Justiça Federal (Peti-Jus), que deve estar de acordo com o planejamento estratégico desse segmento do Poder Judiciário. São competências do Comitê: elaborar proposta de Plano Estratégico de Tecnologia da Informação da Justiça Federal (Peti-Jus), em conformidade com o planejamento estratégico da Justiça Federal; definir diretrizes metodológicas para o desenvolvimento de sistemas de informação; propor a adoção de soluções nacionais de infraestrutura computacional e de software; priorizar o uso e os investimentos em softwares públicos, preferencialmente de código aberto, garantindo compatibilidade, conectividade e interoperabilidade com os softwares existentes; propor o Plano de Contratações Comuns de TI da Justiça Federal – PAC-TI/JF com base nos planos anuais de contratações de cada órgão, elaborados nos termos da Resolução CNJ 347, de 13 de outubro de 2020, e suas alterações posteriores; propor ações de capacitação para os servidores envolvidos em projetos nacionais e relacionadas a políticas de governança e de gestão de TI. A sessão que aprovou a alteração na Resolução CJF 88/2009 foi transmitida ao vivo pelo canal do Conselho no YouTube e está disponível para visualização. RF, com informações do CJF. Assessoria de Comunicação Social Tribunal Regional Federal da 1ª Região 
21/01/2022 (00:00)
Visitas no site:  5157750
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia